Eu já deveria saber

Talvez eu tenha criado expectativas sozinha e tudo não tenha passado de um devaneio meu. Mas eu sinceramente acreditei que aquilo era real pra nós dois. Não foi. Eu já deveria saber que mesmo querendo minha pele nua você sempre quis minha alma vestida. Os seus beijos e o seu toque eram rasos demais para tocar além da minha superfície. Você nunca quis ir mais fundo em mim fora da cama. Fui um livro que você ignorou vários capítulos e dói muito ver que não ter me lido por inteira não lhe fez diferença alguma. Eu me entreguei demais, me joguei de muito alto e você não me segurou. Caí. Agora estou tão machucada que não consigo pular novamente. Tenho medo e vergonha de despir meu coração de novo.  Finalmente me tornei o que você sempre quis: apenas um belo corpo nu com pudor da própria alma.

1_wELig-1ZFlYq7kPx5seSLA
Google Imagens

 

 

Anúncios

2 comentários em “Eu já deveria saber”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s